Geral

Migração em tempos modernos

terça-feira, 5 de Fevereiro de 2013 Texto de

 

Macacos passeiam em cabos em rua de Bauru

Ma­ca­cos pas­sei­am em ca­bos em rua de Bau­ru

Há ma­ca­cos na ci­da­de. Tam­bém vi­e­ram pom­bas de gran­de por­te que an­tes só vía­mos na zo­na ru­ral. Ago­ra é pos­sí­vel en­con­trá-las nos fi­os da re­de elé­tri­ca ou em ar­bus­tos po­bres de ma­ti­nhas min­guan­tes. On­tem, qua­se sem acre­di­tar, vi um car­ca­rá. Sen­ta­do, co­mo se es­ti­ves­se na mais al­ta das ár­vo­res no meio do ma­to. Lá es­ta­va ele, en­tre­tan­to, nu­ma cer­ca bai­xa. Ven­do um avião de­co­lar!

Ob­ser­van­do-os aqui, tão pró­xi­mos do ho­mem, um pa­pa­gaio aten­to, olhan­do pa­ra os céus, cru­ci­fi­ca­do em seu po­lei­ro, re­ci­ta­ria: “Oh, gran­de águia, rai­nha dos ares; oh, gran­de leão, rei das ter­ras; oh, gran­de bur­ro, so­be­ra­no dos pas­tos, per­do­ai-vos, pois eles não sa­bem o que fa­zem”.

Palavras-chave

Compartilhe